Gravador de Bootloader

O primeiro passo a partir de que você tem um atmega8 ou amega168 virgem é preparar um circuito para gravação do “bootloader” do arduino.

O bootloader ( numa analogia bem tosca) é como se fosse a “bios” do seu computador – ele é o programa que vai ficar em loop no seu microprocessador esperando comandos para executar dentro de ciclos de tempo: como abrir e fechar portas analógicas e digitais, receber ou enviar pulsos para estas e fazer comunicação com outro hardware pelo protocolo serial.

O software que está pronto para compilar estas funções e subir estes códigos “de arduino” no seu microprocessador pode ser encontrado neste link: http://arduino.cc/en/Main/Software
.

Mas antes que você comece a usar as funcões “de arduino” em seu microprocessador atmel, você precisa subir este pequeno programa. Isso só pode ser feito com um gravador específico. O gravador que nós vamos utilizar é o mais simples possível, feito com alguns resistores e um cabo de porta paralela.

A pinagem utilizada é a que segue neste esquema:

paraleloduino

Abaixo um exemplo em foto de como ficará seu cabo (atenção para a comparação com o esquema, pois o desenho abaixo está de ponta cabeça em relação a este)
paralela

Em seguida você deve preparar uma protoboard para receeber o chip e aplicar as voltagens do gravador. Perceba que o esquema da protoboard é exatamente o mesmo que depois iráser usado para seu arduino artesanal no dia a dia, apenas estamos dando outro uso para ele, baseado na configuração virgem do microprocessador.

A pinagem (que será conectada no cabo paralelo feito anteriormente) vai funcionar da seguinte maneira:

toscolino_gravador600

Agora se tudo estiver correto, basta iniciar o software de compilação do arduino (arduino IDE) e escolher o microprocessador atmega8 ou atmega168. Utilize as versões “NG older” para este esquemático que dispomos neste tutorial.

escolheprocessador

Em seguida basta escolher o gravador “Parallel Programmer”:

softwaregravador

Se tudo der certo no final seu console vai mostrar “Done Uploading”.

A partir daí vocẽ ja pode gravar códigos de arduino, utilizando a conexão serial.